Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/11/23 às 19h06 - Atualizado em 12/03/24 às 14h43

Lançada chamada sobre propostas de monitoramento de risco no DF

COMPARTILHAR

Com investimento mais de R$ 1,2 milhão, a seleção de propostas é referente ao projeto de pesquisa, desenvolvimento e inovação do programa Desafio DF, fomentado pela FAPDF

 

Lucíola Barbosa

 

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) lançou na edição do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta quinta-feira (9), a Chamada Pública nº 04/2023 do Edital nº 01/2023, sobre o projeto de mapeamento e monitoramento das áreas de risco do Distrito Federal. A seleção de propostas é referente ao projeto de pesquisa, desenvolvimento e inovação do programa Desafio DF, fomentado pela FAPDF.

 

Foram destinados para o programa, no exercício orçamentário de 2023, o valor de R$ 1.250.000. A partir desta quinta-feira (9), a chamada ficará aberta por 20 dias, para que os pesquisadores submetam à proposta.

 

O programa é uma ação de fomento à pesquisa, desenvolvimento científico e tecnológico e inovação (PD&I), com o intuito de atender à demanda pública apresentada à fundação por órgãos e instituições da administração pública direta ou indireta do DF. Além do DF, os projetos de pesquisa selecionados têm impacto na Região Integrada de Desenvolvimento Econômico do DF (Ride).

 

A coordenadora científica da FAPDF, Ana Paula Aragão, ressalta sobre a importância do projeto. “Sabemos dos riscos diários que a população enfrenta em diversas cidades satélites, principalmente em regiões administrativas recentes, onde ainda não há grande estabilidade e estrutura”, explicou.

 

“Esse projeto de mapeamento e monitoramento de áreas de risco do DF se torna essencial. Acredito que esse estudo se tornará base para projetos ainda maiores relacionados à segurança pública do Distrito Federal”, completou a coordenadora.

 

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF), atualmente, existem 22 áreas de risco mapeadas no Distrito Federal.

 

Desafio DF

 

A ideia do programa Desafio DF é promover chamadas específicas para seleção de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação com vistas ao estudo de viabilidade de políticas públicas.

 

O objetivo da chamada pública n°04 é a realização de monitoramento e mapeamento automatizados, efetivos e constantes de áreas de risco do Distrito Federal, porém baseados em parâmetros que sejam os mais eficientes para a gestão de desastres.

 

Serviço

 

Projeto: “Mapeamento e monitoramento das áreas de risco do DF” – Programa Desafio DF.

Valor investido pela FAPDF: R$ 1.250.000,00.

Total de áreas de risco mapeadas no DF: 22.

Com investimento mais de R$ 1,2 milhão, a seleção de propostas é referente ao projeto de pesquisa, desenvolvimento e inovação do programa Desafio DF, fomentado pela FAPDF

 

Texto: Lucíola Barbosa

 

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) lançou na edição do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta quinta-feira (9), a Chamada Pública nº 04/2023 do Edital nº 01/2023, sobre o projeto de mapeamento e monitoramento das áreas de risco do Distrito Federal. A seleção de propostas é referente ao projeto de pesquisa, desenvolvimento e inovação do programa Desafio DF, fomentado pela FAPDF.

 

Foram destinados para o programa, no exercício orçamentário de 2023, o valor de R$ 1.250.000. A partir desta quinta-feira (9), a chamada ficará aberta por 20 dias, para que os pesquisadores submetam à proposta.

 

O programa é uma ação de fomento à pesquisa, desenvolvimento científico e tecnológico e inovação (PD&I), com o intuito de atender à demanda pública apresentada à fundação por órgãos e instituições da administração pública direta ou indireta do DF. Além do DF, os projetos de pesquisa selecionados têm impacto na Região Integrada de Desenvolvimento Econômico do DF (Ride).

 

A coordenadora científica da FAPDF, Ana Paula Aragão, ressalta sobre a importância do projeto. “Sabemos dos riscos diários que a população enfrenta em diversas cidades satélites, principalmente em regiões administrativas recentes, onde ainda não há grande estabilidade e estrutura”, explicou.

 

“Esse projeto de mapeamento e monitoramento de áreas de risco do DF se torna essencial. Acredito que esse estudo se tornará base para projetos ainda maiores relacionados à segurança pública do Distrito Federal”, completou a coordenadora.

 

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF), atualmente, existem 22 áreas de risco mapeadas no Distrito Federal.

 

Desafio DF

 

A ideia do programa Desafio DF é promover chamadas específicas para seleção de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação com vistas ao estudo de viabilidade de políticas públicas.

 

O objetivo da chamada pública n°04 é a realização de monitoramento e mapeamento automatizados, efetivos e constantes de áreas de risco do Distrito Federal, porém baseados em parâmetros que sejam os mais eficientes para a gestão de desastres.

 

Serviço

 

Projeto: “Mapeamento e monitoramento das áreas de risco do DF” – Programa Desafio DF.

Valor investido pela FAPDF: R$ 1.250.000,00.

Total de áreas de risco mapeadas no DF: 22.

Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

FAPDF

Granja do Torto Lote 04, Parque Tecnológico Biotic Cep: 70.636-000