Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/04/21 às 18h05 - Atualizado em 26/04/21 às 18h05

Projeto Conectando DF irá implantar soluções inovadoras para empresas do DF

A Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação (ABIPTI) e a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) firmaram parceria para implantar um projeto para o desenvolvimento de soluções inovadoras para as empresas do Distrito Federal, o Conectando DF.

 

O projeto faz parte das ações do Programa de Animação do Ecossistema de Inovação do DF da FAPDF e será executado pela Abipti, Associação sem fins lucrativos que reúne entidades públicas e privadas de pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico.

 

Para mostrar aos setores da indústria do DF como a inovação pode trazer novidades e alavancar oportunidades de negócios, a Abipti, no âmbito do programa Conectando DF, irá promover, através do Inovação em Debate, uma série de discussões, que terão como objetivo estimular o empreendedorismo inovador no Distrito Federal.

 

As discussões terão como foco as políticas públicas e instrumentos de interação entre Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) e Empresas, no acesso à pesquisa científica qualificada, e o acesso a mecanismos de fomento e apoio financeiro.

 

Segundo o presidente da Abipti, Paulo Foina, os principais temas a serem abordados, ainda de forma preliminar, serão o futuro da tecnologia de informação e comunicação, da construção civil, vestuário, mobiliário, da indústria da alimentação e de bares e restaurantes.

 

“Vamos debater como as inovações tecnológicas, de processos e de produtos de materiais, afetam essas indústrias, como forma de sensibilizar os empresários e sindicatos que representam essas indústrias, para a necessidade de pensar novidades, pensar inovações ou estarem abertos a inovações nas suas indústrias para torná-las mais competitivas, principalmente, pra fora do DF”, ressaltou.

 

O Conectando DF terá como beneficiários as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs), atuantes nos diversos segmentos da indústria, como na construção civil, vestuário, mobiliário, alimentação, bares e restaurantes, e abordará questões de como elas poderão produzir de forma mais eficiente do que seus concorrentes brasileiros.

 

Para Foina, é importante estimular o debate entre as ICTs e empresas para que atuem conjuntamente em benefício do ecossistema de inovação.

“É salutar estimular o debate e estreitar relações de parceria entre as ICTs e empresas, para que andem juntas em prol do desenvolvimento de soluções inovadoras, de novidades e para fazer com que a inovação traga e alavanque oportunidades de negócios, principalmente, visando o mercado de fora do DF, o mercado brasileiro como um todo e, até o mercado internacional”, concluiu.

A Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação (ABIPTI) e a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) firmaram parceria para implantar um projeto para o desenvolvimento de soluções inovadoras para as empresas do Distrito Federal, o Conectando DF.

 

O projeto faz parte das ações do Programa de Animação do Ecossistema de Inovação do DF da FAPDF e será executado pela Abipti, Associação sem fins lucrativos que reúne entidades públicas e privadas de pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico.

 

Para mostrar aos setores da indústria do DF como a inovação pode trazer novidades e alavancar oportunidades de negócios, a Abipti, no âmbito do programa Conectando DF, irá promover, através do Inovação em Debate, uma série de discussões, que terão como objetivo estimular o empreendedorismo inovador no Distrito Federal.

 

As discussões terão como foco as políticas públicas e instrumentos de interação entre Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) e Empresas, no acesso à pesquisa científica qualificada, e o acesso a mecanismos de fomento e apoio financeiro.

 

Segundo o presidente da Abipti, Paulo Foina, os principais temas a serem abordados, ainda de forma preliminar, serão o futuro da tecnologia de informação e comunicação, da construção civil, vestuário, mobiliário, da indústria da alimentação e de bares e restaurantes.

 

“Vamos debater como as inovações tecnológicas, de processos e de produtos de materiais, afetam essas indústrias, como forma de sensibilizar os empresários e sindicatos que representam essas indústrias, para a necessidade de pensar novidades, pensar inovações ou estarem abertos a inovações nas suas indústrias para torná-las mais competitivas, principalmente, pra fora do DF”, ressaltou.

 

O Conectando DF terá como beneficiários as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs), atuantes nos diversos segmentos da indústria, como na construção civil, vestuário, mobiliário, alimentação, bares e restaurantes, e abordará questões de como elas poderão produzir de forma mais eficiente do que seus concorrentes brasileiros.

 

Para Foina, é importante estimular o debate entre as ICTs e empresas para que atuem conjuntamente em benefício do ecossistema de inovação.

“É salutar estimular o debate e estreitar relações de parceria entre as ICTs e empresas, para que andem juntas em prol do desenvolvimento de soluções inovadoras, de novidades e para fazer com que a inovação traga e alavanque oportunidades de negócios, principalmente, visando o mercado de fora do DF, o mercado brasileiro como um todo e, até o mercado internacional”, concluiu.

 

Fundação de Apoio a Pesquisa do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

FAPDF

Granja do Torto Lote 04, Parque Tecnológico Biotic Cep: 70.636-000