Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/04/20 às 17h44 - Atualizado em 20/04/20 às 17h52

Praticidade, segurança e solidariedade

Ajudar idosos a fazer comprar sem sair de casa. Esse foi objetivo que motivou os irmãos Edmilson e Josy Faria a criar um aplicativo de compras online, além da própria necessidade diante do difícil acesso a supermercados na região onde moram, no Jardim Botânico, em Brasília. 

 

Foto: Arquivo Leviz

 

Para colocar a ideia em prática, foi preciso partir em busca de apoio e patrocínio e foi nessa procura que os idealizadores submeteram uma proposta ao Edital 9/2016, Seleção Pública de Propostas para Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico ou de Inovação em Empresas Emergentes de Base Tecnológica (Startups Brasília), realizada pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), por meio da FAPDF. 

 

O projeto foi aprovado e recebeu o fomento de R$ 146.300,00 para começar a desenvolver o negócio de base tecnológica e impacto social. Foi daí que nasceu o Leviz, um shopper treinado por onde é possível fazer compras de forma personalizada e receber os produtos em casa em até 2h.

 

Hoje, em tempos de pandemia de Covid-19 e isolamento social, a ferramenta tem sido muito utilizada por quem quer evitar o deslocamento e a exposição de ir ao mercado e também para quem quer ajudar pessoas pertencentes aos grupos de risco ou que não podem, por quaisquer razões, fazer as próprias compras. “Depois do início da pandemia a procura aumentou bastante, estamos com mais de 800 clientes cadastrados e faturando mais de R$ 100 mil por mês. Há diversos filhos comprando para seus pais, inclusive pessoas que moram em outros estados fazendo compras para familiares que residem aqui em Brasília. Nosso objetivo é ser, também, uma plataforma solidária, para que as pessoas possam se ajudar nesse momento de crise”, conta Edmilson. 

 

Ele destaca que o apoio financeiro obtido por meio do edital da SECTI/FAPDF foi essencial para iniciar o negócio: “com o valor fomentado fizemos todo o desenvolvimento do site e da plataforma de logística que faz o gerenciamento dos pedidos e localização dos compradores, além do desenvolvimento do aplicativo”. 

 

A iniciativa ratifica a importância do fomento a startups como forma de gerar soluções à população e de aquecer a economia local, gerando emprego, renda e valor de mercado para o Distrito Federal. 

 

Como funciona o negócio – A plataforma é adaptada com mais de cinco mil itens em que o cliente monta a lista de compras no site ou envia por mensagem no WhatsApp. Assim que o pedido é recebido, o shopper (pessoa cadastrada que compra e entrega os produtos) mais próximo da região é localizado e segue para o supermercado escolhido, sempre em contato direto com o cliente. Segundo Edmilson, a empresa conta com dez shoppers, além de colaboradores e desenvolvedores.

 

 

O empresário destaca que o intuito é também ampliar o negócio que, em breve, deverá contar com uma loja virtual em parceria com a Cooperativa do Mercado Orgânico do Ceasa.

 

A startup funciona na incubadora IESB Lab, onde conta com mentoria e ambiente físico para tocar a atividade.

 

Para conhecer mais sobre a empresa, acesse os perfis oficiais nas redes sociais, buscando por @levizoficial no Instagram e no Facebook e Leviz no Youtube. 

Fundação de Apoio a Pesquisa do Distrito Federal - Governo de Brasília

FAPDF

Granja do Torto Lote 04, Parque Tecnológico Biotic Cep: 70.636-000